O treinador do Santa Clara, Daniel Ramos, estava bastante satisfeito no final da partida, embora não inteiramente, devido ao golo sofrido. «Estamos muito satisfeitos com a exibição, não tanto com o resultado, pois nada fazia prever o 2-1, já que tínhamos o jogo controlado. Tivemos um espírito enorme e voltámos a fazer um grande jogo. A vitória peca por escassa, mas não estávamos a jogar com uma equipa qualquer. Parabéns a todos, fizeram um grande jogo.»

Aliás, a qualidade exibicional foi tão impressionante, que nem ao árbitro passou despercebida, contou Daniel Ramos: «No final, a equipa de arbitragem deu-nos os parabéns, disse-me ‘very good team’ e isso é um prazer porque estamos a representar a equipa além fronteiras. Temos tido sempre boas exibições, com exceção do jogo com o Tondela e até com o Moreirense, recentemente, apesar de não termos ganho. A alma e disponibilidade da equipa são incríveis, todos trabalham e lutam pelo mesmo, dá gosto ver o que trabalhámos ser posto em prática. Em cada jogo somos Santa Clara.»

Quanto às substituições, o treinador explicou o que procurou fazer: «Dentro das poucas opções que tínhamos, quis refrescar a equipa e ser cauteloso para não perder ninguém porque são todos muito valiosos e juntos somos muito fortes.»

Perspetivando a segunda mão, Daniel Ramos mostrou-se otimista: «Gostávamos que a vantagem fosse mais forte, mas certamente do outro lado também há preocupação porque hoje perceberam que podemos fazer golos fora, tal como fizemos nas outras eliminatórias. O Partizan ainda não havia perdido em oito jogos, perdeu hoje pela primeira vez e se formos Santa Clara como temos sido até agora, certamente conseguiremos seguir em frente.»

Daniel Ramos: «Equipa de arbitragem deu-nos os parabéns»
Source:
Source 1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here