Armando Evangelista, treinador do Arouca, mostrou-se desiludido com a derrota em casa diante do Estoril (0-2) no arranque da Liga.

«Não foi a estreia que queríamos, a jogar perante o nosso público queríamos uma vitória. Sofrer um golo aos quatro minutos condicionou o jogo, houve muitas quebras, houve muito interesse que o futebol não evoluísse. Cometeram-se muitos erros, por isso temos de acelerar processos», disse Armando Evangelista na flash interview, ainda assim salientando:

 

«O espírito que os jogadores demonstraram em querer dar a volta ao resultado deixa-me satisfeito. Mas querer apenas não chega, é preciso lucidez. Dou os parabéns a Estoril, enquanto nós vamos continuar a trabalhar para conseguir pontos.»

 

«Não foi a estreia que queríamos»
Source:
Source 1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here